sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Paradigmas e paradigmas


..."Paradigmas são simplesmente padrões psicológicos, modelos ou mapas que usamos para navegar na vida. Nossos paradigmas podem ser valiosos e até salvar vidas quando usados adequadamente. Mas podem se tornar perigosos se os tomarmos como verdades absolutas, sem aceitarmos qualquer possibilidade de mudança, e deixarmos que eles filtrem as novas informações e as mudanças que acontecem no correr da vida. Agarrar-se a paradigmas ultrapassados pode nos deixar paralisados enquanto o mundo passa por nós.
...
Se uma organização não está desafiando suas crenças e velhas maneiras de fazer as coisas, a concorrência e o mundo simplesmente a ultrapassam. Por outro lado, constatamos que as pessoas têm muita dificuldade em mudar.
...
A mudança nos desinstala, nos tira da nossa zona de conforto e nos força a fazer as coisas de modo diferente, o que é difícil. Quando nossas idéias são desafiadas, somos forçados a repensar nossa posição, e isso é sempre desconfortável. É por isso que, em vez de refletir sobre seus comportamentos e enfrentar a árdua tarefa de mudar seus paradigmas, muitos se contentam em permanecer para sempre paralisados em seus pequenos trilhos."


Este é mais um trecho do livro "O monge e o executivo". Interessante mesmo, e nos faz refletir sobre nossas atitudes e conceitos.

Outra coisa interessante que achei pesquisando na internet foi o audiolivro do "O monge e o executivo". A quem interessar possa, é só acessar o link http://www.audiobook.com.br/audiolivro/monge/player3.htm .

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Liderança, poder e autoridade

“No exercício da liderança é preciso tomar decisões pessoais e aplicar princípios, pois existe uma diferença entre liderança e gerência: na liderança o líder lidera pessoas enquanto na gerência o gerente gerencia coisas.
Um líder é alguém que identifica e satisfaz as necessidades legítimas de seus liderados e, para tanto, necessário é saber o significado e o sentido do verbo servir, pois para liderar é preciso servir, com limites, responsabilidades e estímulos para se tornarem melhores, percebendo as diferenças entre necessidades e vontade e com uma forte dosagem de flexibilidade.

Definindo:

Liderança: É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir aos objetivos identificados como sendo para o bem comum.

Poder: É a faculdade de forçar ou coagir alguém a fazer sua vontade, por causa de sua posição ou força, mesmo que a pessoa preferisse não o fazer.

Autoridade: A habilidade de levar as pessoas a fazerem de boa vontade o que você quer por causa de sua influência pessoal.

Notem que poder é definido como uma faculdade e autoridade é definida como habilidade.”

Acho que alguns que leram isso já sabem do que estou falando... é, estou lendo “O Monge e o executivo” (depois de tanto ouvir falar me interessei em ler). Estou achando interessantíssimo essa leitura e essas definições que falam de poder, autoridade e liderança. Algumas pessoas que querem se destacar na vida social, ou seja, nossos governantes e aspirantes a políticos deveriam ler esse livro e refletir profundamente.

Hercólobus, o planeta vermelho

15/10/2008 12:16:12

Já ouviram falar no Hercólobus, o planeta vermelho? A mais ou menos uns 10 anos atrás eu já ouvi falar nele, época em que eu freqüentava a Gnose.

"Este planeta, Hercólobus (ou Hercólubus) já se encontra à vista de muitos astrônomos do planeta Terra. Atualmente chamado Nêmesis pelos norte-americanos e outros, inclusive Isaac Asimov, em seu livro homônimo. De Anã Vermelha e de Rá, por JJ Benitez. Oficialmente, este planeta foi chamado de Barnard I. Os místicos dizem que ele vem à Terra a cada 25.968 anos. Acredita-se que foi ocausador do desaparecimento da Atlântida e Lemúria, Na Bíblia é encontrado com o nome de Absinto (amargura). Os Sumérios referem-se a Nibiru e Marduk. Entre os maias, ele se chama Estrela Baal, e segundo os gnósticos e também os espiritualistas brasileiros, ele é Hercólobus.
...
Na mecânica celeste, Hercólobus irá, entre outros efeitos, verticalizar os pólos, ele é uma peça importante da grande máquina cósmica. A aproximação de Hercólobus está às portas. O fogo líquido do interior da Terra originará novos vulcões e, em geral, o elemento ígneo fará arder tudo o que é e tudo o que foi. Por isso, Pedro disse: "Os elementos, ardendo, serão desfeitos e a Terra e todas as obras que nela estão serão queimadas". A água fará um dueto com o fogo. A revolução dos eixos da Terra mudará os leitos dos mares e perecerão todos os seres humanos."

Interessante, não? Talvez uma pouco fictício, mas muitas coisas fazem sentido.

Leiam mais nos sites:

http://www.hercolubus.com.br/site/br.html

http://www.gnosisonline.org/Fim_dos_Tempos/Hercolobus.shtml

O sonho é a satisfação que o desejo se realize

14/10/2008 11:07:50

Oito da noite, numa avenida movimentada. O casal já está atrasado para jantar na casa de uns amigos. O endereço é novo, bem como o caminho que ela consultou no mapa antes de sair. Ele conduz o carro. Ela orienta e pede para que vire, na próxima rua, à esquerda. Ele tem certeza de que é à direita. Discutem. Percebendo que além de atrasados, poderiam ficar mal-humorados, ela deixa que ele decida. Ele vira à direita e percebe, então, que estava errado. Embora com dificuldade, admite que insistiu no caminho errado, enquanto faz o retorno. Ela sorri e diz que não há nenhum problema se chegar alguns minutos atrasados. Mas ele ainda quer saber: - Se tinhas tanta certeza de que eu estava indo pelo caminho errado, devias ter insistido um pouco mais... E ela diz: - Entre ter razão e ser feliz, prefiro ser feliz. Estávamos à beira de uma discussão, se eu insistisse mais, teríamos estragado a noite!

MORAL DA HISTÓRIA:
Esta pequena história foi contada por uma empresária, durante uma palestra sobre simplicidade no mundo do trabalho. Ela usou a cena para ilustrar quanta energia nós gastamos apenas para demonstrar que temos razão, independentemente, de tê-la ou não. Desde que ouvi esta história, tenho me perguntado com mais freqüência: 'Quero ser feliz ou ter razão?'
Outro pensamento parecido, diz o seguinte: "Nunca se justifique, os amigos não precisam e os inimigos não acreditam".

Faço minhas as palavras de Tyagi...

13/10/2008 11:07:06

A geração de usuários da internet nascida depois de 1990 - década da popularização da rede - pode estar crescendo com uma visão perigosa a respeito do mundo e da sua própria identidade, sugere um psicanalista inglês.
Segundo Himanshu Tyagi, a principal causa deste problema seria o fato de que os nascidos nesta época já cresceram em um mundo dominado pela navegação na internet e pelos sites de relacionamento como o Facebook, Orkut e MySpace.
"É um mundo onde tudo se move depressa e muda o tempo todo, onde as relações são rapidamente descartadas pelo clique do mouse, onde se pode deletar o perfil que você não gosta e trocá-lo por uma identidade mais aceitável no piscar dos olhos", disse Tyagi.
O psiquiatra destaca ainda que as pessoas que se acostumam com o ritmo rápido dos sites de relacionamento podem achar a vida real "chata e pouco estimulante", o que poderia causar problemas de comportamento.
Tyagi destaca que o anonimato e a falta de experiência sensorial das conversas nestes ambientes virtuais poderia mudar a percepção de interatividade e criar uma visão alterada sobre a natureza dos relacionamentos.

Algo para se refletir...

Retirado do blog do grande vocalista Thedy Correa.
http://thedycorrea.blog.com

Um novo ponto de partida

13/10/2008 - 10:58:52

Bem... comecei com esse blog em janeiro de 2008... postei algumas coisas mas não me agradou e acabei perdendo a motivação.
Porém, hoje começo com ele novamente, vamos ver se agora a coisa vai...hehehe.